Politica

Bolsonaro passa primeira noite em observação em hospital de SP

Bolsonaro passou mal durante a madrugada de ontem, com dores abdominais 
O presidente Jair Bolsonaro passou a primeira noite em observação no hospital Vila Nova Star, em São Paulo (SP), após diagnóstico de obstrução intestinal na quarta-feira. Segundo boletim médico, o chefe do executivo federal passou por avaliações clínicas, laboratoriais e de imagem.

Havia a expectativa de que o presidente tivesse que passar por uma cirurgia de emergência, mas a equipe comandada pelo médico Antônio Luiz de Vasconcellos Macedo – o mesmo que o operou após a facada em 2018 e realizou outros procedimentos em Bolsonaro em decorrência do atentado – informou que ele ficará na unidade de saúde, a princípio, para tratamento clínico conservador.

Novas avaliações serão feitas. "O Senhor Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, foi transferido na noite desta quarta-feira para o Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, após passar por uma avaliação no Hospital das Forças Armadas, em Brasília, e ser diagnosticado com um quadro de suboclusão intestinal. Após avaliações clínica, laboratoriais e de imagem realizadas, o Presidente permanecerá internado inicialmente em tratamento clínico conservador", informa o boletim da última noite.

Bolsonaro passou mal durante a madrugada de ontem, com dores abdominais, e foi internado no hospital Hospital das Forças Armadas, em Brasília. Ele foi então levado a São Paulo para realizar mais exames e avaliar necessidade de cirurgia no local. Novo boletim médico deve ser emitido nesta manhã.

O chefe do Executivo vinha se queixando de uma crise de soluços desde a semana passada. Na live da última quinta-feira (8), pediu desculpas, disse que estava com os sintomas há mais de uma semana e que talvez não consiga se expressar de forma adequada.

Na avaliação do gastrocirurgião e endoscopista Eduardo Grecco, do Instituto Endovita, em São Paulo, é possível que haja relação entre o soluço e a obstrução intestinal.

R7

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.