Notícia

Defesa Civil registra mais de 2 mil pessoas afetadas pelo temporal no RS

Sagrada Família foi o município mais afetado, conforme dados da Defesa Civil 
Morador do município de Sagrada Família foi atingido pela queda de uma parede e está internado em estado grave de saúde

O temporal ocorrido entre sábado e domingo deixou mais de duas mil pessoas afetadas, sendo 16 desalojadas, no Rio Grande do Sul. De acordo com o boletim da Defesa Civil, divulgado na manhã deste domingo, cinco municípios gaúchos registraram danos em decorrência da chuva e do vento. Residências foram atingidas em Santiago, Alto Alegre, Mata, Santa Maria e Sagrada Família. 

O município de Sagrada Família foi o mais afetado, conforme os dados estaduais. Até a manhã de hoje, foram contabilizadas 500 residências danificadas na área urbana e rural e 1.900 pessoas afetadas pelos estragos. O temporal também deixou quatro moradores feridos, sendo um em estado grave de saúde. De acordo com a Defesa Civil, o jovem de 28 anos estava dentro de casa quando foi atingido por uma parede que desmoronou. Ele teve traumatismo craniano e está internado no Hospital de Caridade de Palmeiras das Missões.

Santa Maria é apontado pelo órgão estadual como o segundo município mais afetado. A cidade contabiliza 100 pessoas afetadas, além de danos em arroios e obstrução da via pública. No município de Santigo uma estrada também ficou interrompida por conta da enchente do Rio Rosário.

O município de Mata ainda trabalha no levantamento de dados para ver quantos moradores foram atingidos pela cheia do Rio Poraima, que corta a cidade. Segundo a Defesa Civil, a água chegou a invadir as residências próximas.

Fonte: Correio do Povo 

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.