Educação

Aulas presenciais na Rede Municipal de Ensino retornam no dia 17 de junho

Foto: Arquivo / Prefeitura de São Luiz Gonzaga 

Pais ou responsáveis podem escolher se o estudante segue no ensino remoto ou inicia no ensino presencial  


Com o início da vacinação contra a COVID-19 dos profissionais de educação em São Luiz Gonzaga, as aulas presenciais retornam gradativamente na Rede Municipal de Ensino. Atualmente, é realizada nas escolas municipais a avaliação diagnóstica. A ação busca verificar o aprendizado do aluno no tempo fora da estrutura da escola, com atendimento via WhatsApp e Google Meet.  

Nesta semana, um novo cronograma de atividades será desenvolvido. Nesta terça-feira (15) serão concluídas as avaliações diagnósticas. Na quarta-feira (16) ocorrerá a entrega de materiais e alimentação escolar para os alunos que os pais ou responsáveis optaram por permanecer no ensino remoto. Nesta quinta-feira (17), acontecerá o retorno das aulas presenciais, com a possível implantação do ensino híbrido. Nesta modalidade, as atividades são realizadas de forma presencial e on-line, com a divisão da turma em dois grupos, os quais realizariam um revezamento semanal nas atividades presenciais.  

A secretária de Educação e Esporte, Mariza Klein Ditz, comenta sobre a possibilidade de implantação do ensino híbrido. “Nos últimos meses, a Rede Municipal de Ensino ofertava o apoio pedagógico presencial para alunos com difícil acesso à internet. Era um atendimento mais individualizado. O ensino híbrido será implantado em turmas com retorno de um grande número de estudantes. Se o número for menor, será realizado atendimento presencial, sem precisar dividir a turma em dois grupos”.   

O retorno presencial será escolhido pelos pais ou responsáveis, os quais deverão assinar um termo de autorização. Aos que optarem pelo não retorno, as aulas remotas continuam, com a retirada do material e entrega da alimentação escolar nas quartas-feiras, de 15 em 15 dias. Nas quartas-feiras, os estudantes do presencial terão aulas remotas devido às escolas estarem atendendo alunos do ensino remoto para a entrega de materiais e higienização dos educandários. 

 

SEGURANÇA  

A secretária Mariza ressalta que os educandários estão preparados para atender os estudantes na modalidade presencial. “As escolas passaram por uma avaliação do COE Municipal e estão equipadas com itens para a higienização. Os profissionais estão habilitados e receberam treinamentos de como atender os alunos neste retorno. Como rede, estamos muito tranquilos, estamos bem organizados, temos materiais e equipamentos para higienização necessária”.  

A titular da pasta lembra aos pais ou responsáveis que enviem os alunos com a máscara, a qual o uso é obrigatório. A pasta pede a compreensão dos pais ou responsáveis por – em um primeiro momento – ser vedado o acompanhamento do aluno até a sala de aula. A medida ocorre para proteção dos alunos e profissionais e para a higienização das salas. “Terão barreiras sanitárias no portão das escolas com tapetes sanitizantes, será verificada a temperatura e ocorrerá a higienização das mãos dos estudantes com álcool em gel. Após, o aluno será acompanhado até a sala por profissional da escola”, afirma Mariza.  

Para os estudantes que apresentarem sintomas, o responsável será chamado para comparecer na escola. A secretaria solicita aos pais ou responsáveis que deixem o endereço e o número de telefone atualizados nas escolas.   

 

HORÁRIOS  

Os alunos das escolas de ensino fundamental serão atendidos das 8h30min. até às 11h30min. ou das 13h15min. até às 16h15min., sem intervalo de recreio. “Os horários foram determinados de acordo com o transporte escolar para estar adequado com o transporte dos estudantes do Estado, o qual também é realizado pelo município. No transporte escolar terá controle sanitário, higienização e verificação de temperatura. Crianças com sintomas não ingressarão no transporte”.  

Nas escolas municipais de educação infantil (EMEIs), o atendimento para os alunos será de quatro horas, das 7h30min. até às 11h30min. ou das 13h30min. até às 17h30min. O retorno será apenas para os alunos na idade obrigatória, de 4 e 5 anos. “Para os estudantes de 0 a 3 anos não temos data definida, mas prevemos este retorno para o mês de agosto”, informa Mariza. Os alunos das EMEIs que irão retornar, não terão atendimento integral. O estudante irá a um turno, de acordo com o horário de atendimento do professor da turma. 

 

AULAS REMOTAS E PRESENCIAIS   

As aulas na modalidade remota continuam no modelo atual, com a entrega de materiais e orientações on-line. “As crianças não serão prejudicadas por escolherem o ensino remoto”, afirma a secretária. Após o primeiro momento de transição, os pais ou responsáveis que escolherem o ensino remoto para os estudantes, mas depois desejarem mudar para o presencial, a troca só ocorrerá em agosto. O aluno do presencial poderá retornar ao remoto a qualquer momento. “Para o retorno presencial na escola, é preciso a organização da sala, da escola, por isso vamos abrir para a mudança novamente no mês de agosto, após o recesso de julho”, destaca Mariza. 

 

Assessoria de Imprensa da Prefeitura de São Luiz Gonzaga com informações da SEMEDE 

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.