Esporte

Tiago Nunes elogia Caxias, projeta Lanús e reitera: “Não vamos perder de vista o Grenal”

 

Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA


O Grêmio está nas finais do Campeonato Gaúcho 2021. Com confronto marcado para os dois próximo domingos, o tricolor enfrenta seu maior rival, Inter. Sobre a vitória diante do Caxias e a projeção para o clássico Grenal, o técnico Tiago Nunes pôde já falar acerca dos confrontos, em entrevista coletiva.

CAXIAS

Tiago Nunes elogiou o time da Serra e exaltou o quanto é díficil jogar contra: “Caxias é um confronto histórico muito difícil. Jogo físico de muita marcação, tentando explorar a força da primeira e segunda bola. Contra-ataques e bola parada, mas nossa equipe conseguiu ter um volume maior”.

Ainda comentou o que fez o Grêmio se classificar para a final: “Exploramos as fragilidades que o Caxias apresentou e fizemos 2 a 0. Pude enfrentar nos últimos anos algumas finais, me dá muita alegria e muito prazer poder estar vivendo isso com a equipe do Grêmio”.

GRENAL

O técnico gaúcho conhece a rivalidade quando se trata jogar o clássico. Sobre, relembrou: “Já tive a oportunidade de jogar o clássico Grenal nas categorias de base. Sabemos que é um jogo que deve ser tratado de maneira especial. Quem é da nossa tribo sabe a importância”.

LANÚS

Antes do confronto diante do Inter, o Grêmio tem uma decisão na quinta-feira diante do Lanús que pode classificar o time antecipadamente para a próxima fase da Sul-Americana: “Temos uma partida decisiva na quinta diante do Lanús. Temos uma diferença de 3 pontos e temos que fazer por merecer para ampliar essa vantagem”. Mas reiterou: “Nós não vamos perder de vista o Grenal, mas encarar passo a passo, cada dia por vez para que possamos chegar na quinta-feira bem e depois para o jogo de domingo”.

DARLAN

Perguntado das características de Darlan jogar como 10, Tiago Nunes respondeu: “Trabalhei com o Darlan no sub-15. E ele se notabilizou por ser um organizador de jogo mas também um jogador que pisava na área. É um conceito que ele já tem e estamos tentando estimula-lo”. Ainda, completou: “Considero ele um meio-campista, mas não gostaria de especializa-lo em uma posição pois penso que seria limitar demais jogadores que tem potencial para jogar em funções diferentes que o jogo apresente”.

THIAGO SANTOS

O volante também foi um assunto posto em pauta: “É um jogador que se notabilizou sempre por jogar como primeiro volante. Ele apresenta boas funções na saia de bola, tem coragem para jogar. Não necessariamente precisa ser esse jogador fixo, pode ter mais liberdade”.

FERREIRINHA

Com gol marcado na partida diante do Caxias, o treinador relembrou conhecer o jogador antes mesmo de ser seu treinador no profissional do Grêmio: “Eu conheço o Ferreira há algum tempo. Em 2018 ele jogava no Toledo e com o Athletico enfrentamos ele. Chamou a atenção e tentamos levar ele para lá pela sua capacidade de desequilíbrio nos dribles, velocidade. E ainda consegue fazer gols”.

Sobre a carga alta de jogos e o descanço pedindo passagem, Tiago Nunes respondeu: “Existe algumas formas de descansar o atleta. Seja tirar de alguns treinamentos, tirar em alguns jogos. Atletas de alto potencial técnico, quando cansados, decai. Temos que valorizar o empenho dele em querer estar em campo”.

SITUAÇÃO FÍSICA

Após dar o parecer sobre o físico de Ferreira, Tiago Nunes analisou sobre os desgastes de Grêmio e Inter para o Grenal: “Não tem como ter uma avaliação sobre isso. As viagens desgastam, mas nós também viajamos na outra semana. No fim ficará tudo equiparado”.

MARCAÇÃO NA BOLA AÉREA

Questionado sobre as mudanças impostas no time na marcação aérea após a sua chegada, Tiago Nunes respondeu: “É uma marcação mista. Alguns individuais outros por zona. Estamos avaliando jogo a jogo. Alguns saímos melhor outros não. Todos os tipos de marcação tem prós e contras. Vamos amadurecendo jogo a jogo”.

DIEGO SOUZA

Tiago Nunes também elogiou o goleador tricolor: “O Diego é um jogador que já conversamos algumas vezes sobre. É importantíssimo para o nosso time. É o artilheiro da nossa equipe, tem uma alta qualidade técnica. Por ter sido meia, volante, tem um entendimento do espaço muito aprimorado”.

VANDERSON

Sobre o lateral, Tiago Nunes comentou sobre o jovem: “Já jogou jogos importantes mesmo jovem. Tem maturidade é um espelho nível mundial que é o Rafinha. E tenho certeza que com isso ele tem crescido. Estamos encorajando o Vanderson a usar cada vez mais suas qualidades”.

GEROMEL

Diante do Caxias, o zagueiro completou 300 jogos com a camisa tricolor. Sobre o capitão, Tiago Nunes respondeu: “Geromel é um líder técnico, intelectual, por toda sua representatividade adquirida. Merece todo o respeito e carinho da comissão técnica, e todos. Sem dúvida alguma ele estar em campo representa a história do Grêmio contemporânea”. Ainda, exaltou mais: “Os títulos representam uma equipe vitoriosa. Temos que valorizar cada minuto dele em campo. Os zagueiros mais jovens também, tanto dentro quanto fora de campo”.

Fonte: Rádio Grenal 

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.