Notícia

Bossoroca publica novo decreto com medidas de enfrentamento à covid-19

Foto: Blog Bossoroca RS 
A Prefeitura de Bossoroca publicou na manhã desta sexta-feir (28/05), o decreto nº 5.442, que reitera o estado de Calamidade Pública no Município, em razão da emergência em saúde pública de importância internacional em decorrência da pandemia de Coronavírus - COVID-19, declarado por meio do Decreto municipal nº 5.210/2020, de 22 de março, e recepciona o Decreto Estadual nº 55.882 de 15 de maio de 2021, e aplica os protocolos definidos pela R11 – Região de Santo Ângelo e altera decreto municipal 5.438 de 21 de maio de 2021.

Abaixo a íntegra do documento:

Art. 1º. Fica reiterado o estado de Calamidade Pública no Município de Bossoroca, em razão da emergência em saúde pública de importância internacional em decorrência da pandemia de Coronavírus - COVID-19, declarado por meio do Decreto municipal nº 5.210/2020, de 22 de março de 2020;

Art. 2º Fica recepcionado o Decreto do Governo do Estado do Rio Grande do Sul, nº55.882 de 15 de maio de 2021;

Art. 3º Aplica- se os protocolos definidos pela R11 conforme dispõe o Decreto Estadual, os quais são:

§ 1º As campanhas de conscientização serão ampliadas e intensificadas mediante utilização de propaganda em rede social, avisos em carros de som, propagandas em rádios e jornais locais, cartazes em praças, estabelecimentos comerciais e órgãos públicos;

§ 2ª – A fiscalização será intensificada prezando-se pelo cumprimento das normas estaduais e municipais, buscando apoio junto ao comando da Brigada Militar;

§3ª – Em locais públicos, haverá, além da limpeza diária, uma desinfecção com Quaternário de Amônia ou produto similar;

§ 4ª – Será vedada a abertura para atendimento ao público, bem como de permanência de clientes nos recintos ou nas áreas internas e externas de circulação ou de espera de todo e qualquer estabelecimento durante o horário compreendido entre 14 horas do dia 29 de maio de 2021 (sábado) até às 5 horas do dia 31 de maio de 2021 (segunda-feira),  e durante o horário compreendido entre 14 horas do dia 05 de junho de 2021 (sábado) até às 5 horas do dia 07 de junho de 2021 (segunda-feira),  após esse horário sendo permitido somente tele entrega e pegue e leve até as 22h;

I - Os serviços essenciais, como os mercados, supermercados e/ou hipermercados, farmácias, laboratórios, postos de combustíveis e todos aqueles elencados através de Decreto Estadual, manter-se-ão abertos para atendimento ao público até às 20 horas do dia 29 de maio de 2021 e 05 de junho de 2021. 

II – Após o horário informado no parágrafo anterior, os serviços essenciais, como as farmácias, laboratórios e postos de combustíveis, exceto as lojas de conveniência, as quais devem se manter fechadas, terão que permanecer em regime de plantão, na modalidade de tele-entrega ou de forma presencial, sem a entrada dos clientes nos recintos, ou seja, o atendimento será na porta da entrada do estabelecimento, salvo nos postos de combustíveis. 

III – Nos dias 30 de maio de 2021 e 06 de junho de 2021 os mercados poderão abrir para atendimento ao público até as 12 horas.  Enquanto os estabelecimentos de alimentação poderão atender somente na forma de tele entrega e pegue e leve até às 22h, sem público presente

IV – Entre os dias 31 de maio de 2021 e 07 de junho de 2021, os estabelecimentos só poderão permitir ingresso de clientes até 21 horas com tolerância máxima de permanência, inclusive para os funcionários do estabelecimento, até 22 horas.

V - Será vedada a abertura em qualquer horário de bibliotecas públicas, museus e teatros. 

VI – Continua vedada a prática de esportes coletivos em clubes, ginásios, associações e afins;

VIII – Os estabelecimentos deverão, além de todas as normas obrigatórias exigidas no Decreto Estadual 55.882 de 15 de maio de 2021, utilizar o tapete sanitário nas entradas, e respeitar o distanciamento de 2 metros nas filas, sendo obrigatória a demarcação dessa distância. 

VIII – Os cultos e encontros em igrejas, templos e demais estabelecimentos religiosos, de qualquer doutrina, fé ou credo, em todo o território do município de Bossoroca, deverão observar o número de participantes de até 15% da capacidade máxima prevista no alvará de funcionamento ou PPCI, além do uso de máscara, disponibilização de álcool e distanciamento de no mínimo 2m entre os presentes.

Art. 4º Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação e revogam-se todos os dispositivos em contrário.

Gabinete Do Prefeito Municipal De Bossoroca, em 28 de maio de 2021.

Leia o documento no link: https://bit.ly/3hWKqoB

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.