Politica

Heinze: "não podemos olhar de braços cruzados uma monocracia imposta por membros do STF"

Foto: Gerdan Wesley/Senado Federal
Já procurei todas as justificativas possíveis, mas é injustificável. Num momento em que o povo está impedido de manifestar sua vontade nas ruas, pelas restrições impostas pela pandemia, considero covarde e oportunista tal decisão. A Suprema Corte desconsidera sentenças processuais já tomadas em primeira e segunda instância, além de já ter passado pela fase de recursos.

A decisão ameaça o futuro das relações entre os poderes, pois não podemos olhar de braços cruzados uma monocracia imposta por membros do STF. As análises dos pedidos de impeachment aos ministros precisam ser consideradas. Estou ao lado do povo como representante democrático. Não fui escolhido por padrinho político e possuo total liberdade para agir de acordo com os princípios éticos e morais que movem um cidadão de bem.

Um dia triste para história do Brasil com consequências fortes para a confiança dos mercados em nossa economia. Não é possível tolerar a continuidade destes desmandos que ferem a constituição e a fé na democracia!

Fonte: Senador Luis Carlos Heinze 

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.