Economia

RS tem nova alta de criação de empregos formais

Acompanhando a tendência nacional, o Rio Grande do Sul atingiu, em outubro, o quarto mês consecutivo de alta no saldo de empregos com carteira assinada, conforme dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Foram 27.013 mais admissões do que demissões no período – o Brasil teve 394.989 novas vagas no mesmo mês. O número no RS foi recorde no ano, mas ainda não o suficiente para virar o saldo negativo acumulado em 2020, que é bastante prejudicado por conta dos meses de março e abril, quando mais de 100 mil postos e trabalho foram fechados segundo o Caged. Os setores de comércio, reparação de automotores e indústria da transformação puxaram a alta no Estado. 


Por; Matinal Jornalismo

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.