Notícia

Governo libera R$ 2,5 bi para aderir ao consórcio internacional de vacinas contra covid-19

Frascos rotulados como vacinas em foto de ilustração 10/04/2020 REUTERS/Dado Ruvic

Nesta quinta-feir (24), o governo federal anunciou a liberação de R$ 2,5 bilhões para o ingresso do país na aliança internacional por vacinas contra o novo coronavírus, a Covax Facility.”A adesão ao Instrumento de Acesso Global de Vacinas Covid-19 (Covax Facility)”, diz a Secretaria-Geral da Presidência da República. 

De acordo com a Secretaria-Geral, a participação na Covax não impede que o país realize acordos bilaterais com empresas produtoras de vacinas da Covid-19.

O Brasil já tem um acerto encaminhado com a vacina produzida pela AstraZeneca e pela Universidade de Oxford, que está sendo testada em São Paulo e no Rio de Janeiro.

Confira o comunicado do Governo Federal:

“A adesão permitirá o acesso ao portfólio de nove vacinas em desenvolvimento, além de outras em análise (…) Com a diversificação de possíveis fornecedores, aumentam as chances de acesso da população brasileira à vacina no menor tempo possível. Caberá à Covax Facility negociar com os fabricantes o acesso às doses das vacinas em volumes especificados, os cronogramas de entrega e os preços”

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.