Educação

Nova reunião para tratar sobre volta às aulas no RS será realizada na terça

 Retomada do ensino deve ocorrer na primeira quinzena de setembro

O governador Eduardo Leite disse, nesta quinta-feira, que uma nova reunião para tratar sobre a volta às aulas presenciasi no Rio Grande do Sul será realizada na próxima terça-feira. Segundo ele, o encontro vai reunir prefeitos, Tribunal de Contas e Ministério Público. 

"Vamos consolidar uma projeção, uma perspectiva de datas, de retorno de cada uma das etapas de ensino. Cada etapa retorna, analisa, vê como está impactando. E mesmo assim, os retornos deverão ser feitos, com protocolos e cuidados especificos. Não é voltar como era no passado, com salas cheias e grande contato. Estamos propondo a redução de alunos e de horários. Não temos esta questão fechada, ainda estamos discutindo. Vamos buscar que haja este retorno em um sistema hibrido", comentou durante a transmissão ao vivo nas redes sociais. 

Nessa terça-feira, o Governo do Estado estabeleceu que vai manter a proposta de retomada do ensino público e privado de forma gradual e escalonada, mas estabelecerá novo prazo. A retomada ficará, provavelmente, para a primeira quinzena de setembro, nos últimos dias do inverno. As atividades nas escolas estão suspensas desde 19 de março em razão da pandemia de Covid-19. 

A decisão atende a pedidos de municípios encaminhados por meio do presidente da Famurs, Maneco Hassen. Nova reunião sobre o tema será realizada dia 1º de setembro. O secretário reforçou no encontro que o calendário do retorno das aulas presenciais pelo Estado é facultativo e a decisão final cabe, pela ordem, aos municípios e aos pais responsáveis pelas crianças. "O calendário também é flexível e somente poderá haver a retomada das aulas presenciais em regiões com as bandeiras laranja e amarela", destacou Agostinho Meirelles.

*Correio do Povo


About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.