Polícia

DRACO de Santiago deflagra operação para cumprimento de 8 ordens judiciais

 Operação desenvolvida nos municípios de Alegrete e Uruguaiana se refere à investigação de um crime de roubo ocorrido em Santiago. A vítima, um idoso de 77 anos, foi abordado por homens que se identificaram como policiais civis.

Foto: Polícia Civil/Divulgação
Na manhã desta quinta-feira (27/08), a DRACO (Delegacia Especializada na Repressão às Ações Criminosas Organizadas) de Santiago deflagrou  Operação em Alegrete e Uruguaiana para o cumprimento de oito ordens judiciais (três mandados de prisão preventiva e cinco mandados de busca e apreensão) referentes a investigação de um crime de roubo ocorrido no centro de Santiago (na Rua Benjamin Constant, no dia 24 de abril deste ano, ocasião em que três criminosos, passando-se por policiais civis, ingressaram na residência de um idoso de 77 anos de idade, e mediante grave ameaça, subtraíram a quantia de três mil reais).

Foram identificados, através das investigações, três criminosos que participaram do crime (oriundos das cidades de Alegrete e Uruguaiana), seus respectivos endereços, bem como o veículo utilizado no crime. Após, representação, o Poder Judiciário deferiu a decretação da prisão preventiva dos envolvidos.

A ação policial contou com o apoio da Delegacia de Polícia de Alegrete e da DRACO de Uruguaina.

Um indivíduo de 53 anos foi preso em Alegrete e os outros dois investigados seguem foragidos e procurados pela Polícia. O preso está sendo conduzido para a DPPA de Santiago e, após a formalização dos atos, será encaminhado ao Presídio Estadual do município.

Graças ao sistema de monitoramento por câmeras existente no centro de Santiago, é que se tornou possível a identificação dos criminosos, conforme declarou o Delegado Guilherme Milan Antunes, responsável pela DRACO/Santiago.

Fonte: Polícia Civil e Santiago News


About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.