Notícia

BM dispersa aglomeração com mais de 350 pessoas em Erechim

Agentes revistaram carros e 378 pessoas foram abordadas. 

BM dispersou aglomerações em Erechim no fim de semana — Foto: Arquivo pessoal / G1 RS

Região Norte
- A Brigada Militar dispersou uma aglomeração em que havia mais de 350 pessoas em Erechim, na noite de domingo (2), em uma via pública.

Segundo a BM, quando os policiais chegaram, muitas pessoas tentaram fugir pelos matos localizados próximos ao local. Os agentes revistaram carros e 378 pessoas foram abordadas. Dessas, 27 foram autuadas, e 14 veículos foram recolhidos.

A Brigada Militar informou que vem recebendo denúncias de aglomerações há semanas, desde que voltou a fazer calor em Erechim. As principais reclamações são de eventos clandestinos no loteamento Verdes Vales, no bairro Esperança.

Na madrugada de sexta (31) para sábado (01), a BM, junto com a Polícia Civil e Ambiental, realizaram operação em vários locais da cidade, dentre eles o bairro Esperança, para dispersar as aglomerações. As equipes encontraram mais de 250 pessoas reunidas em diferentes locais. Seis delas foram autuadas por perturbação e quatro carros foram recolhidos.

Os moradores reclamam que as aglomerações no local são um problema antigo.

O capitão da Brigada Militar Altemar Dutra explica que a polícia tem trabalhado para evitar as festas clandestinas, mas que é necessário pensar em ações com o apoio dos demais órgãos públicos para resolver o problema definitivamente.
Agentes abordaram dezenas de pessoas que estavam nas aglomerações — Foto: Arquivo pessoal / G1 RS
"O que nós sugerimos, fizemos um ofício para a prefeitura municipal, assinado pelo comandante do batalhão e a Polícia Civil também se manifestou nesse sentido, é que em determinados horários seja proibido o estacionamento no local, principalmente, no horário da madrugada, para evitar aglomerações. Já inibe bastante, porque aquela pessoa de bem, que não quer cometer uma infração, já não vai ficar nesse local. É o que a gente vê como possível de se fazer nesse momento. E nós vamos seguir fazendo a nossa parte, atendendo as ocorrências, se chamarem, vamos ir", relata Dutra.

Fonte: G1 RS

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.