Notícia

Aviação agrícola do Brasil se mobiliza para combater gafanhotos

Com frota de 426 aeronaves, aviação agrícola pede autorização dos governos estaduais e federal para atuar contra efeitos de praga.


Sindicato Nacional das Empresas de Aviação Agrícola (Sindag) encaminhou ofício aos governos gaúcho e federal para alertar contra o avanço da praga dos gafanhotos sobre o Rio Grande do Sul e demais estados brasileiros. No documento, a entidade coloca à disposição dos órgãos públicos uma frota de 426 aeronaves para o combate da infestação. “Estamos observando via redes sociais e a própria imprensa o noticiário de uma infestação que pode ser extremamente prejudicial para a lavoura gaúcha, que recentemente já enfrentou uma seca severa.

LEIA TAMBÉM: Governo federal avalia prorrogar auxílio emergencial em três parcelas, de 500, 400 e 300 reais

De acordo com o Sindag, uma operação desta natureza exige um esforço de governo, com a devida autorização dos órgãos oficiais. 

Uma operação dessa natureza exige uma resposta muito rápida do poder público para surtir os efeitos esperados. “Os produtores rurais do Rio Grande do Sul já enfrentam uma seca muito forte. Mais uma adversidade dessa natureza seria extremamente terrível para a nossa produção agrícola”, diz sindicato.


LEIA TAMBÉM: Nuvem de gafanhotos próxima à Fronteira Oeste do RS deve seguir para o Uruguai, diz Mapa

LEIA TAMBÉM: Câmara aprova projeto que aumenta limite de pontos da CNH


por Jeronimo Goergen 
Fonte: AU Online

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.