Polícia

Polícia identifica homem suspeito de atropelar mulher na ERS-030, em Osório

Larissa Estiknol Espíndola morreu após ela e o noivo serem atingidos enquanto caminhavam na via. Segundo a polícia, em princípio, autor responderá por homicídio culposo.

Larissa Estiknol Espíndola morreu após ser atropelada na ERS-040, em Osório — Foto: Reprodução/Facebook
O homem suspeito de atropelar Larissa Estiknol Espíndola foi identificado pela polícia na noite deste sábado (30). Ela morreu enquanto caminhava com o noivo na ERS-030 em Osório, no Litoral Norte do estado. O homem fugiu do local sem prestar socorro.

Segundo a polícia o suspeito será interrogado nos próximos dias.

"O veículo envolvido já foi apreendido e será submetido a perícia. Autor identificado e será interrogado, com advogado, no decorrer desta semana", afirmou o delegado João Henrique Gomes de Almeida.

O advogado do homem que apresentou o veículo para a polícia na noite de sábado. "O advogado do envolvido apresentou o veículo na delegacia para perícia, após tratativas preliminares, buscando colaborar com as investigações. Bem como vai apresentar o investigado para interrogatório, em data a ser agendada", disse o delegado.

Larissa, de 30 anos e o noivo foram atingidos pelo carro, ela morreu na hora. O noivo foi socorrido e levado para o hospital.

De acordo com a polícia, em princípio o suspeito responderá por homicídio culposo. "Com pena aumentada, em razão da fuga de local", apontou Almeida.

Fonte: G1 RS

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.