Notícia

Soldada da BM ajuda a salvar pelo telefone bebê de dois meses engasgado

Carla e a pequena Anna Elloá se conheceram no hospital. — Foto: Brigada Militar/Divulgação

Na madrugada deste sábado (12), um bebê de dois meses que estava engasgado foi salvo, durante uma ligação ao 190, da Brigada Militar, em Rio Pardo, no Vale do Rio Pardo. Soldada há 10 anos, Carla de Andrade do Santos foi surpreendida por uma ligação de emergência.

"Foi um momento ímpar. O telefone de emergência tocou às 5h45, e do outro lado da linha várias pessoas gritavam juntas. Ouvia o pedido de socorro".

Os pais de Anna Elloá acordaram quando ouviram que a pequena fazia um barulho estranho. Ela havia se engasgado com o próprio vômito e não reagia.

"Pedi calma a pessoa que ligou, que era avó da bebê. Ela estava muito nervosa. Segundo a avó, a bebe não respondia aos estímulos deles. Pedi que fizesse exatamente como eu iria lhe orientar, pois cada minuto era sagrado".

Pelo telefone, a soldada passou a dizer para a avó da criança os procedimentos emergências que aprendeu no curso de formação de policial militar.

"Pedi que colocasse a pequena Anna Elloá no seu ante braço, de bruços e efetuasse a manobra de Heimlich, que é é um procedimento a ser feito nos casos em que a criança está inconsciente. Estes são alguns procedimentos emergências que aprendemos durante nossos cursos".

Depois de algumas tentativas, a bebê expeliu o líquido e reagiu.

"Nesse momento eu apenas agradeci a Deus pela benção em pleno Dia das Crianças, e respirei aliviada".

"Acionei o Hospital Regional que prontamente se mobilizou para esperar a bebê chegar. Os colegas de serviço foram ao encontro da família muito rapidamente para prestar o apoio necessário enquanto, por telefone, eu tentava ajudar", disse ao G1.

Mãe de uma menina de 11 anos, ela contou nunca tinha passado por uma experiência semelhante. Carla e Anna Elloá se conheceram no hospital.

"Estou muito feliz. Gratidão é a palavra que resume o fato", contou.

Fonte: G1 RS 

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.