Polícia

Brigada Militar prende monitor de trânsito que avisava sobre blitz em Canela

Ele estava avisando membros de um grupo de WhatsAPP sobre a presença dos policiais

Foto: Brigada Militar / Divulgação

Na manhã desta terça-feira (09), por volta das 08h30min, os policiais militares que realizavam policiamento ostensivo em Canela receberam uma denúncia, através do telefone funcional, sobre um indivíduo que estava alertando membros de um grupo sobre barreiras e movimentação da viatura pela cidade.

Causou estranheza aos policiais o fato de o indivíduo em questão é um monitor de trânsito, de uma empresa terceirizada, que presta serviços de cobrança no estacionamento rotativo para a Prefeitura de Canela.

O indivíduo era conhecido dos policiais e foi localizado no centro da cidade. Indagado sobre a situação, ele admitiu estar repassando informações sobre as barreiras e localização da viatura no grupo de WhatsApp, especialmente criado para este fim.

Ele então recebeu voz de prisão dos policiais, foi encaminhado ao Hospital para exames de corpo de delito, e após, encaminhado até a delegacia para registro dos fatos.

A Brigada Militar ALERTA que avisar sobre barreiras ou sobre a localização das guarnições é crime. E mais que isso, os roteiros das guarnições são pensados de maneira estratégica, e visam coibir o transporte de armas, drogas além de coibir a prática de roubos e outros ilícitos. Desta forma, avisar onde está a viatura pode parecer uma atitude inofensiva, mas na verdade é um desserviço às pessoas de bem.

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.