Polícia

Polícia prende acusado de matar companheira dentro de casa em Santa Maria

Jovem foi morta dentro de casa em Santa Maria — Foto: Tiago Guedes/RBS TV

No fim da tarde desta sexta-feira (10), a Polícia Civil prendeu preventivamente, o suspeito de matar a própria companheira em Santa Maria.

Tainara da Silva de Aquino, de 25 anos, foi morta com um tiro à queima roupa, segundo o laudo da necropsia. De acordo com a delegada Elizabeth Shimomura, que investiga o caso, o homem prestou um longo depoimento e alegou que o disparo foi acidental.

"Disse que o casal tinha se reconciliado, e que ele tinha uma arma, mas que era para se defender de um suposto autor. E que ontem, estava com a companheira, sentou no sofá e colocou a arma no colo, e a arma acidentalmente disparou contra a companheira, que estava deitada num colchão", conta a delegada sobre o depoimento do suspeito.

O crime aconteceu na casa da vítima, na madrugada de quinta-feira (9). Segundo Shimomura, familiares relataram à polícia que o casal havia brigado durante a semana, e que ela tinha mandado o companheiro embora.

No momento do crime, os dois filhos do casal, um menino de dois anos, e uma bebê de oito meses, estavam na casa, mas não teriam presenciado a morte da mãe.

"Eles tinham um histórico de brigas, segundo os familiares, mas não havia registro de ocorrência na delegacia. O companheiro tem uma ficha criminal de, pelo menos, cinco roubos patrimoniais e estava em liberdade deste o dia 26 de abril", afirma a delegada.

Não há registro de arma de fogo em nome do suspeito, segundo a polícia. As duas crianças estão com a avó materna.

G1 RS

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.