Polícia

Criminoso Ezequiel David Trindade, segue sendo procurado pela polícia

Ezequiel David Trindade é um dos bandidos mais procurados pelos órgãos de segurança do Estado. Ele ostenta dinheiro e armas em fotos.


O criminoso EZEQUIEL DAVID TRINDADE, RG 4098385885, 30 anos de idade, 1,90 de altura, natural de Erechim, segue sendo procurado pela polícia.

Perigoso assaltante de bancos, além de estar foragido do sistema prisional gaúcho, possui Mandado de Prisão Preventiva, pelo recente Roubo a Banco ocorrido em Porto Xavier, onde restou vítima fatal o Policial Militar Fabiano Heck Lunkes.

Qualquer informação do seu paradeiro deve ser comunicado imediatamente aos órgãos se Segurança Pública, sendo garantido o sigilo da identidade do denunciante.

A Polícia Civil gaúcha trabalha para encontrar Ezequiel, considerado como bandido mais procurado do Estado. 

De acordo com o delegado Heleno dos Santos, atualmente Ezequiel Trindade é procurado no Brasil inteiro. Ele é apontado pela polícia como sendo o autor do disparo que matou o policial militar Fabiano Heck Lunkes, de 34 anos, durante buscas à quadrilha que assaltou a agência do Banco do Brasil em Porto Xavier, em abril deste ano.

A Polícia Civil indiciou os seis homens que atacaram a agência do Banco do Brasil em Porto Xavier.  O grupo foi denunciado por tentativa de latrocínio e formação de organização criminosa. 



Segundo o delegado Heleno dos Santos, foram indiciados Delci Engers, Ivo Zimmer, Flávio Rogério Oliveira, Aleixo Gustavo Zelinski, Luciano Aguilar de Mattos e o erechinense Ezequiel David Trindade.

Ezequiel Trindade é apontado como o líder do grupo e mentor intelectual do ataque. Ele está foragido. Os demais indiciados são acusados de participação ou envolvimento no crime. De acordo com o Delegado Heleno dos Santos este é apenas o primeiro inquérito sobre o assalto encerrado pela Polícia. Nele, os indiciados foram responsabilizados pela tentativa de latrocínio contra o delegado e os outros policiais civis que trocaram tiros com os criminosos na frente do banco.  Dois dos apontados como participantes morreram. Izaquiel Gonçalves Souza, de 52 anos e Alexandre Pacheco da Silva de 44 anos.

Ezequiel possui condenações judiciais pelas Comarcas de Erechim (2), Três Passos (3), Marcelino Ramos (1) e Getúlio Vargas (1). Os crimes são de porte de arma e assaltos violentos.

Dois inquéritos ainda seguem abertos: o que investiga quem foi o autor do tiro que matou Lunkes e outro sobre a receptação do dinheiro roubado.  O ataque ao banco aconteceu em 24 de abril.


Com informações de Atmosfera On-line


About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.