Geral

Controladores de velocidade começam a ser retirados da BR 287

Ação é devido ao fim do contrato com a empresa responsável pela manutenção dos equipamentos

Foto: Ieda Beltrão



De acordo com o policial Medeiros, chefe da unidade operacional da Polícia Rodoviária Federal o retorno dos controladores vai demorar um pouco até a formalização de uma nova licitação.

Sem nada poder fazer, a PRF mantém sua preocupação em relação ao perímetro urbano do trevo do Batista, do trevo da Nicola e o trevo norte de Jaguari, locais onde, devido aos controladores, houve uma drástica redução, principalmente na gravidade dos acidentes. Moradores próximos da BR 287 em Santiago já manifestam a preocupação em relação à volta às aulas, pelo aumento da frequência de pessoas que atravessam a rodovia.

Quanto ao redutor próximo da Vila Branca, este continua em operação por fazer parte de outro contrato. E nas últimas horas, somente ocorrências por excesso de velocidade foram anotadas pela unidade operacional da polícia Rodoviária Federal no fim de semana.

Em relação a BR 287, o trecho está em condições. Apenas algumas irregularidades surgiram entre Unistalda e São Borja.

O movimento também foi tranquilo na área de jurisdição da Polícia Rodoviária Estadual. A observação está quanto ao mau estado das rodovias. De acordo com o sargento Pereira a RS 168, entre Santiago/Bossoroca está em péssimas condições; também começam a surgir buracos na RST 377, 241 ( de São Francisco/ São Vicente do Sul), 640 entre São Vicente/Cacequi e rodovia 825.

Estão em condições as rodovias; 168 de Bossoroca a São Luiz Gonzaga e rodovia 523, que liga Mata a BR 287.

Fonte: Rádio Santiago

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.