Notícia

Uruguaiana registra rajadas de vento de até 140 km/h

Árvore caída após temporal em Uruguaiana. Defesa Civil / Divulgação

O aeroporto de Uruguaiana registrou rajadas de vento de mais de quase 140 km/h por volta das 6h desta segunda-feira (7), conforme a Defesa Civil. A cidade foi a mais afetada pelo temporal que atingiu a Fronteira Oeste, com vento e chuva fortes. 

Houve registro de queda de postes, de árvores, bloqueios de vias, falta de luz e de internet. No entanto, segundo o coordenador regional da Defesa Civil da Fronteira Oeste, major Rinaldo da Silva Castro, os danos foram poucos para a intensidade do vento:

— Apesar de o aeroporto ter registrado uma velocidade de vento superior a 100 km/h, os danos no município foram poucos. Não houve nenhuma pessoa afetada, nenhum ferido e nenhuma casa destelhada ou danificada — disse.

A prefeitura de Uruguaiana trabalha desde as primeiras horas da manhã na liberação de vias. A Defesa Civil afirma que ainda aguarda informações sobre possíveis danos na área rural, já que há falta de comunicação.

Foram 70 milímetros de chuva registrados nas últimas 24 horas na cidade. A chuva também foi forte em Alegrete, Quaraí e São Francisco de Assis. Neste momento, não chove forte na região, mas a Defesa Civil segue em alerta pela instabilidade prevista para os próximos dias. No final da manhã, um novo alerta foi emitido para as regiões da Campanha, Fronteira Oeste, Centro e Sul do Estado.
Ijuí. Foto: Caçadores de Notícias

Nas Missões em Ijuí, por volta do meio-dia desta segunda-feira, 7, acabaram quebrando galhos de árvores que caíram em ruas no centro da cidade, em alguns bairros e também pelo interior. No interior de Bozano, na BR 285, próximo ao antigo posto de combustíveis, hoje desativado, da Vila Salto, árvores caíram nos dois sentidos da pista.


Várias casas foram destelhadas na cidade de Condor por volta das 13h. Um Supermercado foi destelhado.

Gaucha ZH

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.