Politica

Jerônimo Goergen diz que se for convidado, aceitará convite de Bolsonaro para ser ministro da Agricultura


O gaúcho Jerônimo Goergen (PP) é um dos nomes cotados para assumir o Ministério da Agricultura no governo de Jair Bolsonaro (PSL). Ele disse estar honrado e feliz com a indicação. Jerônimo já adiantou que caso o convite se confirme, irá aceitar o cargo.

Conforme o deputado, o nome surgiu da base produtora e de forma espontânea, sem disputa. Ele recebeu ontem à noite, por volta de 20h, uma ligação do presidente eleito. Ficou agendado um encontro entre ambos na próxima terça (06). Conforme Goergen, Bolsonaro afirmou que não vai anunciar o nome até definir como ficará o ministério. Existe a possibilidade de fusão com o meio ambiente, mas ainda não foi batido o martelo sobre a questão.

Sobre o diálogo com o colega de partido Luis Carlos Heinze (Eleito senador), cotado pelo PSL para o cargo, afirmou que conversaram de forma tranquila. O deputado disse ao senador que se ele tivesse interesse, não aceitaria o cargo. Caso contrário, pediu apoio para seu nome.  Conforme Jerônimo, o importante é que futuro ministro tenha compromisso com a classe produtiva do país.

Fonte: Rádio Missioneira

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.