Polícia

Em dois dias, três assassinatos são registrados em Santa Maria


Santa Maria já registra 43 mortes violentas neste ano. Só nos últimos dois dias, três assassinatos foram registrados na cidade: nas regiões leste, central e norte. 
O caso mais recente aconteceu na noite desta quarta-feira, por volta das 22h30min. Um homem de 36 anos, identificado como Luiz Eduardo da Silva de Oliveira, foi morto a facadas no Bairro Carolina. Quando os policiais chegaram no local, Oliveira já estava sem vida. Ele foi esfaqueado pelo menos nove vezes na região do rosto, costas e peito.

A Polícia Civil investiga o caso, mas ainda não se tem autoria nem motivação para o crime. O corpo de Oliveira foi encaminhado para necropsia. Ainda não há horário de velório nem sepultamentos definidos. 

Já no fim da madrugada de terça-feira, morreu o jovem de 27 anos que havia sido baleado na noite de terça-feira no Bairro Nossa Senhora do Rosário. Ele, que foi identificado como Carlos Evandro de Souza Carvalho, estava na frente de casa quando foi atingido por quatro tiros na perna, no abdome e no braço, por volta das 22h. Ele foi levado ao PA do Patronato e depois ao Hospital Universitário de Santa Maria (Husm), onde não resistiu aos ferimentos. 

O 42º assassinato do ano na cidade também não tem suspeitos para o crime nem se sabe a motivação. 

Carvalho está sendo velado desde ontem na Capela 1 do Hospital de Caridade. Ele será sepultado às 10h desta quinta-feira no Cemitério Municipal de Santa Maria.

Pouco antes, na madrugada de terça-feira, um homem de 55 anos foi assassinado em uma chácara no Bairro Camobi. A polícia só chegou até o crime após o autor, de 23 anos, ir até a delegacia em São Sepé e confessar que havia matado Domingo Francisco da Silva. Em depoimento, o jovem contou que ele e a vítima eram vizinhos e estavam bebendo juntos quando se desentenderam, em uma chácara, no Bairro Camobi. Depois de acertar Silva com golpes de faca, o jovem fugiu do local do crime e foi em direção à delegacia. 

Após o registro da ocorrência, o jovem foi levado para o Presídio de São Sepé. 

Silva foi enterrado na manhã de quarta no Cemitério Municipal de São Martinho da Serra. Ele era pai de cinco filhos, morava sozinho em Santa Maria e trabalhava como caseiro de uma chácara.

Em 2017, a cidade registrou 71 assassinatos, cinco a mais que em 2016. Foram 64 homicídios, uma legítima defesa - que não configura crime - e seis latrocínios (quando a pessoa mata para roubar). 

Fonte: Diário de Santa Maria

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.