Polícia

Argentino que ateou fogo em corpo de namorada é preso em Candelária

Angel Gabriel Rolon, 30 anos, foi preso no centro de Candelária. (Fotos: Matias Ramos/JC)

A Brigada Militar de Candelária prendeu, na tarde dessa quarta-feira (28), um argentino acusado de atear fogo na namorada, em Santa Maria. Angel Gabriel Rolon, 30 anos, tinha um mandado de prisão emitido desde terça-feira (27) e, por isso, ele era considerado foragido. Segundo a Brigada o argentino estaria em Candelária desde segunda-feira (26).

Conforme o capitão, Renan Dutra, a Brigada Militar de Candelária recebeu informações via canal de inteligência, que o acusado de feminicídio poderia estar na cidade. O setor de inteligência local, então localizou Rolon no região central e efetuou a prisão, por volta das 17h. Ele estava com seus materiais de trabalho.

O caso
(Fotos: Matias Ramos/JC)
Na madrugada da sexta-feira (23), a jovem Bernarda Massolo, foi internada em coma no Hospital Universitário de Santa Maria (Husm). Ela estava dormindo com o namorado na rua, quando acordou com o corpo em chamas. Ela foi socorrida por populares que passavam pelo local. Ao chegar à casa de saúde, ela contou que o responsável pelo crime havia sido Rolon. O casal costumava fazer malabares em um cruzamento do centro da cidade, onde estavam desde o fim de setembro.
Bernarda está internada em estado gravíssimo, com 53% do corpo queimado. Ela espera por uma vaga em um hospital de Porto Alegre, especializado no tratamento de queimaduras. O consulado argentino também está tentando a transferência.

Conforme informações da Brigada Militar de Candelária, a Delegacia de Polícia de Santa Maria, que investiga o caso, irá buscar Rolon ainda nesta quarta. Por enquanto, ele permanece preso na delegacia do município.

Fonte: Jornal de Candelária 

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.