Notícia

Temporal deixa rastro de danos na região de Santa Cruz do Sul

Árvores caíram em Santa Cruz do Sul | Foto: Rafaele Cunha / Rádio Gazeta / CP

O vento forte acompanhado de intensa chuva e granizo causou a queda de árvores e postes, além de destelhamentos, em Santa Cruz do Sul e municípios próximos na noite dessa terça-feira. O temporal começou por volta das 22h e, segundo a Defesa Civil, 23 residências foram atingidas, principalmente nos bairros Santo Inácio, Várzea, Ana Nery e Santo Antônio, mas não há desabrigados. Até a manhã desta quarta-feira, a chuva atingiu 52 milímetros na cidade.

Os bombeiros atenderam aos chamados para auxiliar na remoção de árvores que caíram nos bairros Margarida e Santa Vitória. “Percebemos que o temporal causou estragos localizados, em residências distantes umas das outras”, disse o coordenador da Defesa Civil, tenente José Joaquim Dias Barbosa. Três equipes atuaram na distribuição de lonas para as famílias. A Escola Estadual Ernesto Alves de Oliveira suspendeu as aulas nesta manhã. Conforme o setor pedagógico da 6ª Coordenadoria Regional de Educação, a escola ficou sem energia elétrica e a expectativa é de que a situação seja normalizada por volta do meio-dia, com o retorno das aulas à tarde.

Na rede municipal, conforme a secretária de Educação, Jaqueline Marques, houve problemas pontuais em algumas escolas, mas nenhum estrago compromete a segurança dos alunos e a realização das aulas. Um levantamento inicial aponta que quatro escolas tiveram algumas salas inundadas. O atendimento às turmas ocorre em outros espaços das escolas.


Região

No município vizinho de Vera Cruz, o temporal causou danos no Hospital Vera Cruz (HVC), que transferiu os pacientes para instituições de Santa Cruz do Sul e permanece com o setor de urgência e emergência fechados nesta manhã. Conforme a coordenadora de Recursos Humanos do HVC, Cíntia Genehr, a água da chuva alagou o primeiro e o segundo pavimentos da casa de saúde. O alagamento foi causado pela falta de vazão das calhas.

Dos 11 pacientes que estavam internados, oito foram transferidos para o Hospital Ana Nery e os demais ao Hospital Santa Cruz. Pacientes que estavam sendo atendidos na Emergência foram levados para a UPA do bairro Esmeralda. Uma força-tarefa atua na higienização e controle de infecção hospitalar. Pacientes que estavam internados na parte não afetada pela chuva seguem hospitalizados. Os bombeiros de Vera Cruz informaram ainda que houve estragos em bairros como Arco Íris, Boa Vista e em localidades como Linha Número 1, Linha Capão e Mato Alto. Houve registros de queda de árvores e postes, além de destelhamentos. Árvores tombadas também estão sendo removidas na ERS 409.

No município de Venâncio Aires houve o registro de pelo menos 36 atendimentos, com quedas de árvores e distribuição de lonas. Parte do bairro Gressler está sem energia elétrica nesta manhã. Duas escolas da rede municipal não atenderão os alunos em função dos problemas ocasionados pela chuva: a Escola Dois Irmãos, no bairro Aviação, e a Escola Venâncio Aires, em Linha Canto do Cedro. Muitos pontos do município também estão sem luz.

Lavoura

O granizo também causou danos em lavouras de tabaco de Santa Cruz do Sul, Vera Cruz, Vale do Sol, Venâncio Aires, Herveiras, Candelária e Sinimbu. A Associação dos Fumicultores do Brasil (Afubra) recebeu em apenas uma hora quase 500 comuicações na manhã desta quarta-feira sobre estragos nas plantações e estufas. A expectativa é de que o número dobre ao longo do dia, pois muitos produtores ainda estão avaliando os problemas causados pelo temporal.

O gerente-técnico da Afubra, Paulo Vicente Ogliari, informou que o atendimento prioritário é das estufas de tabaco destelhadas e que armazenam o produto. No início da manhã, pelo menos 20 casos haviam sido notificados, mas o número deve aumentar. Ogliari ressalta que além dos prejuízos causados pelas pedras de gelo, há complicações por causa dos fortes ventos que interferem na posição das plantas e dificultam a colheita.

Correio do Povo

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.