Polícia

RÉU É CONDENADO A 59 ANOS DE PRISÃO PELA MORTE DE MENINO DE TRÊS ANOS EM SÃO LUIZ GONZAGA

Foto: Arquivo/Rádio Missioneira 

Foi condenado a 59 anos e dois meses de prisão o réu Luis Felipe Panitz, acusado de matar com um tiro Israel Marques, de três anos, em outubro de 2016. O julgamento, que começou pela manhã e terminou por volta das 19h, ocorreu nesta quarta-feira (26) em São Luiz Gonzaga.

Os sete jurados acolheram a tese do Ministério Público que denunciou Panitz pela morte de Israel e tentativa de homicídio de outros dois réus, que estão presos. "Ficou dentro do que esperávamos. Os jurados acolheram a nossa tese", resumiu o promotor Marcos Lamin.

A família do menino acompanhou todo o julgamento. Os pais e irmã de Israel choraram durante grande parte do tempo, e receberam consolo de familiares e amigos, que vestiam camisetas brancas com a foto da criança.  Emocionados, eles declaram que ficaram satisfeitos com a pena. "Graças a Deus a justiça foi feita", declarou Paula Marques, irmã de Israel.

A advogada de defesa, Josiane Balbé, já decorreu da decisão. Aos jurados, ela defendeu erro de execução. ?Luis Felipe não tinha intenção de matar a criança. Ele apenas revidou os tiros?, declarou. Um dos disparos atingiu Israel, que passava pela rua com o pai. Eles haviam saído para comprar doces. O juiz Thiago Cunha negou que o réu aguarde o resultado do recurso em liberdade.

Outros dois júris do mesmo caso irão ocorrer. A justiça aguarda o resultado de recursos das defesas para marcar a data. Os dois réus também são acusados de homicídio qualificado por motivo fútil e permanecem presos desde o crime. 

Rádio Missioneira

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.