Politica

Bolsonaro ficará ao menos uma semana internado

Bolsonaro chegou a correr risco de vida após ataque em Juiz de Fora | Foto: Fábio Motta / Estdão Conteúdo

O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, deverá permanecer internado por pelo menos uma semana, em recuperação após ter de ser submetido a uma cirurgia nesta quinta-feira, em razão de um ataque a faca. O deputado federal foi atingido no abdome e chegou a correr risco de morte, de acordo com a equipe médica da Santa Casa de Juiz de Fora, onde ocorreu o procedimento.

Segundo os médicos do hospital, Bolsonaro deu entrada “com sinais de choque”. Ele foi submetido a uma cirurgia em caráter de urgência, pois havia uma grande hemorragia. O golpe de faca causou lesões em órgãos abdominais, incluindo três perfurações no intestino delgado, uma lesão grave no intestino grosso e uma lesão transfixante grande.

“É um quadro naturalmente grave, mas ele está estável no momento”, afirmou o médico Luiz Henrique Borsato. “Foi uma lesão muito profunda.” Apesar do quadro, a recuperação do candidato é considerada satisfatória nas horas seguintes à cirurgia – que durou cerca de duas horas. Segundo os médicos, Bolsonaro já recuperou a consciência e conversou com os filhos.

Ainda existe risco, porém. “As lesões que causavam risco iminente de vida foram controladas e contidas durante a cirurgia. Mas complicações depois da cirurgia podem ocorrer”, afirmou o médico, explicando que as primeiras 48 horas depois da operação são decisivas.

Nos próximos dias, ele deverá ser transferido para o Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. A equipe médica projeta a recuperação completa da cirurgia em dois meses, quando ele deverá ser operado novamente. 

O suspeito do ataque a Bolsonaro foi preso em flagrante. Ele já tinha passagens pela polícia.

Correio do Povo

About Blog Missioneiro

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.